Home / Artigos Religiosos / Casamento não é brincadeira – Não desista do seu Casamento Nunca!
Não desista do seu Casamento
Como ter um Casamento feliz para sempre

Casamento não é brincadeira – Não desista do seu Casamento Nunca!

Casamento não é brincadeira – Não desista do seu Casamento Nunca!
4.9 (97.33%) 30 votes

Certamente a família atualmente está em crise. Jesus ao elevar o matrimônio para dignidade de sacramento tornou a aliança conjugal o sinal do amor Dele para a Igreja, e maneira à santificação e crescimento dos esposos. Quando o casamento inicia da maneira certa, através da bênção da Igreja e graça do sacramento, já foi andado meio caminho.
Então é necessário aceitar o dom recebido e considerando a moral católica e cartilha de santos, educar-se para que a própria família seja transformada em Igreja doméstica autêntica.

“Você desistiria da sua empresa da mesma forma que desiste dos seus relacionamentos?”

Casamento É Algo Muito Bom

Não foi à toa que Jesus iniciou a vida pública a fazer o primeiro milagre, segundo o que foi pedido pela Sua Mãe, no caso da festa do casamento. Trata-se da confirmação de que casamento se caracteriza sinal eficiente do Cristo presente e realidade boa.

Jesus surgiu de modo a restabelecer inicial ordem da criação perturbada por pecado, assim, Ele concede para o casal a graça e força à vivência do casamento em dimensão nova pertencente ao Reino de Deus. Ao renunciar a si mesmo, seguindo Cristo, e a tomar cada um a própria cruz, esposos vão poder entender o original sentido do matrimônio e viver o mesmo com auxílio do Cristo.

É mostrado por São Paulo que a união do Cristo e Igreja representa aliança matrimonial. Basta considerar: “E vós, maridos, amai vossas mulheres, como Cristo amou a Igreja e se entregou por ela, a fim de purificá-la… É grande este mistério: refiro-me à relação entre Cristo e sua Igreja”, Ef 5,24-32. Trata-se o matrimônio cristão de sinal eficiente da aliança do Cristo e Igreja.

E diante de Deus que fez união para sempre do casal cristão, este casal para serem pais e mães, esposos, necessitam se empenhar em cuidar do casamento. Que nunca exista infidelidade conjugal, nem pelas palavras, pensamentos, atitudes. Infidelidade representa a morte do matrimônio. A infidelidade inicia por vezes através da relação inocente que acaba em infidelidade no casamento, o casal não pode ser inocente ao se arriscar nas aventuras com outros indivíduos.

Não desista do seu Casamento
Como ter um Casamento feliz para sempre

Dicas para a Boa Convivência no Casamento

  • O casal necessita ser capaz de fazer investimento um no outro, sem contar no lar. Casamentos fortes são construídos ao passar tempo em união, assim é fundamental priorizar o tempo da convivência juntos, e também com filhos.
  • Não ficar destacando falhas do companheiro ou companheira e citando reprovações, isto induz que outros indivíduos pareçam mais atraentes. A dica é valorizar mais as qualidades do esposo ou esposa e reduzir críticas. Não comparar-se com demais casais. Com outros indivíduos não se vive mundo real, é imaginação.
  • Se for preciso, buscar ajuda. Isto não representa fraqueza. O terapeuta familiar cristão ou conselheiro adequado auxiliam para pensar e procurar por solução.
  • Manter a casa feliz, usando do bom humor e acabando com lamúria e reclamação. O bom humor e alegria representam terapia. É importante saber dar um sorriso, mesmo que o momento seja amargo. E não esconder os sentimentos que tiver, já que ao reprimir, isso faz mal e ocasiona brigas. Ser transparente com o outro é essencial para obter sua confiança.
  • Cuidado com a vida sexual, pois mais do que unir 2 corpos, trata-se da união de 2 almas que amam-se e que fizeram compromisso pela vida toda uma com a outra.Cuidar com todo amor um do outro, com respeito, carinho, paciência, bondade, tolerância, responsabilidade e maturidade. Isso tudo faz o casamento cumprir a bonita missão concedida por Deus para construção da família feliz. É uma das melhores realizações que se pode ter na vida.As pessoas amam e se realizam através do que foi construído com o próprio amor e dedicação. E há dito popular apontando que o que caminha só, pode até mais rápido chegar, porém o que vai acompanhado certamente vai chegar mais longe. Assim, a paciência pode por vezes ser amarga, porém os frutos da paciência se mostram doces.

    Assista: Relacionamentos, Deixe de MiMiMi!

    Papa Francisco Aconselha para Bom Matrimônio

    Francisco apontou que amar é também tornar-se amável. Isso quer dizer que o amor não tem ação de forma rude, de forma inconveniente, não é duro. Os modos, palavras e gestos do amor se mostram agradáveis, não são rígidos e nem ásperos, e que detesta implicar sofrimento para os outros.

    Em uma das frases do Papa Francisco fez recomendação de não deixar lugar para ressentimento que se estabelece no coração, porém, trabalhar no perdão com base em atitude positiva que busca entender a fraqueza do outro e achar desculpas a outra pessoa. O Papa Francisco afirmou que a comunhão da família apenas pode ser aperfeiçoada, e ainda conservada, através do espírito do sacrifício. Demanda de cada um e de todos, disponibilidade generosa e pronta para compreender, tolerar, para perdão, reconciliação.

    Fonte:
    https://cancaonova.com
    https://pt.aleteia.org
    https://padrepauloricardo.org/blog/seis-dicas-para-um-casamento-feliz

Recomendados Para Você:

Sobre Rodrigo Sá

Rodrigo Sá, fundador do site Jovens Católicos, morador do Rio de Janeiro, Católico Apostólico Romano (praticante), devoto de São Bento, amante de boa música, internet, esportes, dar boas risadas, etc. E-mail: contato@jovenscatolicos.com.br

Você também pode Gostar:

Como saber qual é seu Anjo da guarda

Anjo da Guarda – O que é, Significado, Orações para seu Anjo da Guarda

Anjo da Guarda o que é, qual significado para Igreja Católica, qual a função deles, o que diz o Papa Francisco sobre os Anjos da Guarda, qual a oração do Anjo da Guarda?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *